Depoimentos

Ainda enfeitiçado com essas histórias do choro.
A construção desse personagem vaga-lume-crioulo-doido, à margem, trans-temporal, transformando história em estória, é a alma do Brasil. O contraponto com os historiadores-músicos é perfeito.
Ainda emocionado por ter saído mais brasileiro desse espetáculo que vocês fizeram.
Não era gratuita a presença daquela bandeira que sempre queremos mostrar.
A polêmica Jacó/Waldir Azevedo, com a deliciosa história da recusa de tocar Brasileirinho.
A morte de Jacó carnavalizada pelo humor-negro de Crioulo (Pixinguinha matou Jacó!).
Esse papo-furado tão safado, irreverente e sério, na roda-de-choro, na porta-de-rua ou à sombra no quintal; a presença de Mario de Andrade falando de Nazareth (emocionante aquela confissão de Crioulo ao piano).
Tudo isso, meu irmão, me fez rir chorando, como aquele momento sublime da plateia cantando Carinhoso.
Enfim, meu velho, a bizarria pegou e tem que se alastrar.
Crioulo é um personagem que veio pra ficar.
O filho da puta não vai desencarnar assim sem mais nem menos.

Cristiano Mota – Museu do Folclore

 

Chorando Histórias é um dos espetáculos mais criativos que assisti no Rio de Janeiro. Precisa continuar em cartaz no Rio, viajar pelo Brasil.  O Projeto História Através da Música mostra que se pode fazer Arte e Educação de uma forma prazerosa e emocionante. Parabéns ao Romney Lima e a todos os integrantes deste belíssimo projeto. Nota MILLLLLLLLLLLLLLLLLLLLL.”

Teresa Montero – Professora e Idealizadora do Projeto Rio de Clarice

 

Deliciosa visita a preciosidades da nossa música que contam muito de nós, apresentada por um mestre de cerimônias nem tão cerimonioso e muito carioca, o crioulo doido, magistralmente defendido por Gustavo Arthiddoro.

Cândido Damm – Ator

 

Não percam!!!!! Compartilhem!!! Muito lindo o trabalho. Parabéns ao Romney Lima e toda a maravilhosa equipe. Tem direção do querido Claudio Mendes.”

Benita Prieto – Contadora de Histórias e Produtora

 

Caros, escrevo estas linhas em nome do Colégio Estadual Júlia Kubitchek. O sucesso foi absoluto, superou as expectativas. Tanto o corpo discente quanto docente saiu do colégio naquela noite com a alma lavada pelo belo show cheio de questões pertinentes a educação e a cultura brasileira. Acredito que este seja mais um passo em direção a uma escola pública de qualidade, alegre, divertida sem perder o conteúdo pedagógico que lhe é pertinente. Foi lindo! Eu, pessoalemnte, fiquei muito feliz e, pela reação do público vocês podem ter certeza que deixaram uma bela marca em todos os que estiveram presentes.

Márcia Curi, professora do Colégio Estadual Julia Kubitschek

 

Ficamos emocionados, chorei de rir e de emoção com a beleza e a qualidade do trabalho, é uma grande oportunidade para uma aula de história e de história da música. Obrigado. Vocês são muito bons! Faremos a propaganda. Grande abraço.

Vânia e Sérgio

 

Esse “espetáulaco” é simplesmente maravilhoso. Tive a oportunidade de ir na estreia e pude observar um show muito bem dirigido, com músicos de primeiríssima qualidade e um ator talentosíssimo, que com muito humor ajuda a contar um pouco da história do choro e de seus protagonistas. Vale muito assistir ao show didático no CCJF, que fica ali em frente a estação de metro da Cinelândia.  Amantes da música e professores, é imperdível!

Sérgio Castanheira

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s